Definición.de

jargão é uma linguagem particular e familiar que utilizam entre si os integrantes de um determinado grupo social. Esta espécie de dialeto pode ser difícil de entender para aqueles que não fazem parte da comunidade mencionada.

 Gíria

gírias geralmente nascem para esconder o significado das palavras. É o caso, por exemplo, do jargão carcerário, usado pelos presos para evitar que suas conservações sejam capturadas pelas autoridades. Este motivo leva a que os termos usados no jargão sejam temporários: uma vez que são adotados e se massifica seu uso, deixam de ser utilizados.

existem jargões que surgem por questões geográficas e que, com o tempo, podem se tornar parte de um dialeto regional. Não há intenção, neste caso, de esconder o significado das palavras, mas elas surgem do senso de pertencimento e da intenção de se diferenciar de outros grupos.

em particular, podemos estabelecer que as gírias podem ser classificadas em dois grandes grupos: as sociais e as profissionais.

as sociais, como o próprio nome indica, são aquelas que podem ser criadas por diferentes pessoas com dois objetivos diferentes: para diferenciar – se do resto ou para evitar que sejam compreendidas pelos outros. Assim, por nome, nesta categoria poderíamos estabelecer aquelas gírias que são usadas por tribos urbanas ou grupos de adolescentes, por exemplo.

a este respeito, deve-se notar também que é comum que muitas vezes confundem-se neste âmbito o que é o termo de Gíria com o de Gíria. Neste caso, as diferenças entre os dois conceitos não estão perfeitamente determinadas e podem ser utilizadas de maneira indistinta.

jargões profissionais, por outro lado, são desenvolvidos para nomear com precisão certos procedimentos ou instrumentos. Dada a importância de entender esses termos para o desenvolvimento de uma profissão, existem dicionários sobre esses jargões.

a noção de Gíria costuma ser usada como sinônimo de gíria, que é uma gíria social que está associada, em geral, às expressões vulgares. Na Argentina e no Uruguai, lunfardo é conhecido como o jargão que contribuiu com muitas palavras para as letras dos tangos e outros gêneros populares.

“este pibe é um atordoante, che, a joga de bacán mas viaja sempre em bondi” é um exemplo do lunfardo argentino que equivaleria a algo assim como ” este menino é um mentiroso, diz que tem muito dinheiro, mas viaja sempre em coletivo (ônibus)”.

um termo que emana de gíria é o de gírias, que vem a ser empregado para definir toda aquela linguagem que é difícil de entender.

no entanto, além de tudo o que foi exposto, não podemos ignorar o fato de que jargão também é um termo usado com outros significados. Assim, com essa palavra, define-se um colchão que é feito com palha ou grama.

da mesma forma, também é empregado para se referir a um tipo de tecido que é identificado por ser muito grosso e áspero.

e tudo isso sem esquecer também a expressão “deixar no jargão”. Trata-se de uma locução verbal coloquial que se emprega para deixar patente que algo só está começado e, portanto, não se finalizou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.